Tag: hyorganicfood

Rumo à Terra da Garoa e à Cidade Maravilhosa

Nascemos ontem, fato. Verdade também que estamos nos espalhando por Porto Alegre – com olhos já no interior do Estado. Mas a grande novidade é que estamos chegando no eixo Rio – São Paulo. Sim! Começamos nossa expansão.

Nossos pilares são sabor, saúde e sustentabilidade, isso vocês já sabem decor. Nosso propósito, entretanto, acho que não está bem claro: ajudar a mudar o mundo pela alimentação. Para isso precisamos dominar o mundo, e lá vamos nós!

Estamos ainda naquele trabalho de formiguinha: pesquisa, faz contato, toma café, come trufa; agenda reunião, manda amostra, toma café, come trufa; manda e-mail, agenda outra reunião, e por aí vai. E come trufa. O céu é o limite.

Mas antes de chegar ao céu seremos mais realistas, chegaremos ao epicentro da gastronomia nacional, a Terra da Garoa. E de quebra já vamos à Cidade Maravilhosa pois é o que há de mais lindo e saudável em terras brasucas. Sensacional!

[Foto: Bruno Alencastro]

Record TV: Empresas investem em “lixo zero”

Felizes em mostrar o que fazemos para um mundo mais sustentável na Hy. Esperamos inspirar mais pessoas.🌱💚

Carnaval Sustentável? Temos!

Na última semana, montamos uma caixa de Carnaval Sustentável para fazer barulho. Enviamos a alguns jornalistas, amigos, nutricionistas e pessoas que julgamos interessadas nos mesmos propósitos que nós. Acompanhando a caixa, foi uma cartinha minha, que reproduzo abaixo, esperando inspirar mais pessoas.

“Olá, sou a Biba Retamozo, chef de confeitaria. Abri recentemente uma fábrica de doces orgânicos, gluten-free e plant-based, com sede em Porto Alegre, a Hy Organic Food. Nosso propósito é ajudar a mudar o mundo pela alimentação. Acredito que temos muito em comum, por isso te procuro.

Aqui na Hy, estamos sempre em busca de novos mixes de ingredientes e deliciosidades. Nossa missão é adoçar todos os paladares com sobremesas saudáveis. Faço e controlo todos os processos, com uma equipe totalmente girls power ! E como nossos pilares incluem, além do SABOR e da SAÚDE, a SUSTENTABILIDADE, e estamos em época de folia, te envio um KIT DE CARNAVAL SUSTENTÁVEL.

Nossa caixa contém:

  • GLITTER VEGANO, para que você possa se embelezar sem agredir o meio ambiente;
  • CONFETE e SERPENTINA elaborados com material reciclado, para uma bagunça responsável;
  • BLOQUINHO e CANETA para anotar o contato do crush – deixe o celular em casa!;
  • SAQUINHO DE TERRA e TAG DE PAPEL SEMENTE, para ressignificar o lixo que for produzido e transformá-lo em lindas margaridas;
  • DOCINHOS ENERGÉTICOS, para manter o corpo bem nutrido;
  • ECOBAG para carregar todos esses badulaques sem deixar de aproveitar a festa.

Esperamos que nos ajude a multiplicar essa mensagem, alimente-se bem nas festas e tome bastante água. Ah! Não se esqueça de destinar corretamente os resíduos dessa brincadeira à reciclagem. E aproveite, a vida é maravilhosa se pudermos brincar preocupados em deixar um mundo lindo para as próximas gerações. Porque esse é o verdadeiro sentido de tudo!

Sabor, saúde e sustentabilidade, nossos pilares. Health Yourself é Hy, a doce indulgência possível.”

A ação fez tanto sucesso que vários clientes vieram solicitar a compra do kit de Carnaval. Infelizmente, foi apenas uma brincadeira, e tenho certeza que cumpriu o seu papel: chamar atenção para uma folia responsável.

Entenda o que são doces processados

Vamos começar pelo óbvio: a Hy Organic Food é uma fábrica. Isso significa que processamos alimentos, e quer dizer que nosso dia a dia é manipular ingredientes para chegar em produtos. Todo alimento que é finalizado pela indústria sofre processamento. Uma marmita vegana que você encomenda da vizinha também é processada, mesmo que artesanal. Nossos doces, logo, são processados.

A diferença é quando falamos em aditivos utilizados pela indústria, aqueles nomes complicados, sabe? O problema é o ultraprocessamento. Aqui na Hy não utilizamos aditivos estranhos nem conservantes. Nossos doces são feitos a partir de ingredientes selecionados e têm um tempo de vida menor que a maioria dos produtos do supermercado porque primamos pela qualidade e pela saúde de vocês. É uma vantagem, porque daí você sempre come o docinho fresco.

Dito isso, a ideia aqui no blog é conversar com vocês sobre nossos produtos e processos, e estamos sempre à disposição para o debate. A Hy é uma empresa que fabrica doces inclusivos, para todos os paladares. E como optamos por uma linha de alimentação mais saudável, fazemos algumas opções fora da caixa. Por exemplo gostamos de colocar cúrcuma nos docinhos. Você já experimentou? Fica uma delícia – e faz bem à saúde.

Outra opção que fizemos no início do nosso projeto foi basear nossa linha de doces em frutas oleaginosas, que contêm uma importante densidade nutricional. Daí a gente pode comer sem se preocupar, sabendo que o lanchinho não está representando uma caloria vazia.

Tem açúcar? Sim! Todos os nossos doces, por enquanto, são elaborados com açúcar mascavo, o mais nutritivo de todos, mas isso não significa que você vai engordar comendo. Significa apenas que, como em tudo na vida, você deve ter parcimônia, mas não precisa se privar do docinho. Agora se realmente prefere – ou necessita – de opções sem açúcar, temos uma novidade: estamos desenvolvendo nossa linha dietética. Temos apenas o spoiler, mais informações em breve!

Essa é a Hy: uma empresa transparente, que torna o doce uma indulgência possível. Nossos pilares são sabor, saúde e sustentabilidade. Na sequência conversaremos muito sobre isso!

[Foto: Lisa Roos]

Categories: Blog Tags:, ,

Dia de festa: um mês de Hy!

A Hy nasceu há tempos no meu coração, quando comecei a me encantar pelos orgânicos. Há anos venho buscando uma confeitaria fora da caixa, mas ainda operando dentro dela. A Maria Bolachinha, minha empresa anterior, trabalhava com doces tradicionais, personalizados, eventos mimosos e muito açúcar. Uma delícia!

Mas há um ano decidimos que era hora de tocar a fábrica como forma de padronizar a produção e também de crescer. A primeira ideia era industrializar doce de leite e derivados, doces com doce de leite – o produto mais vendido da Bolachita. Mas esbarramos na dificuldade de trabalhar com insumos de origem animal. Quer notícia melhor para quem ama a alimentação plant-based?

Daí caiu a ficha: tínhamos que entrar no furacão dos novos tempos. Foco na saúde, no vegetal, e por que não apostarmos também em retirar o glúten de tudo? Uma fábrica estéril, sonho de consumo. E assim nasceu nossa linha de sobremesas, que após muitos testes – era tudo muito novo pra mim, e não sou engenheira de alimentos (sou uma cozinheira jornalística) -, criamos nossa linha de doces.

E há exatamente um mês o sonho tomou forma, em um evento lindo, concebido com muito carinho com o apoio da Fê Pandolfi e equipe, a Conta Pra Mim Filmes, a Re-Paginada e a Petit Personalisé. Com direito a lanchinhos veganos da Chef Belle e as delícias da Casa Holtz. Um brunch redondinho, repleto de amigos, colegas de forno e fogão e jornalistas e nutris antenados, que estão na mesma sintonia que nós.

Esse post comemora um mês de muito aprendizado, muito network (a Eve Scherer e a Carol Martins têm nos ajudado bastante, só agradeço! e tenho orgulho de apoiarmos o projeto lindo Me Foca), e muito trabalho. Temos um estoque brilhando para ganhar o mundo, e estamos conquistando esse espaço dia a dia. A Luciane Arndt, nossa Coordenadora Comercial, passa os dias correndo atrás do nosso crescimento, levando amostras e conversando com nossos clientes. Fizemos o Natal e o Réveillon de várias pessoas, que confiaram em nossas delícias e espalham a notícia de que fazemos doces para todos, mesmo os chocólatras que mais amam açúcar.

Sabor, saúde e sustentabilidade são nossos guias, a cada dia temos um desafio a enfrentar. Todo ingrediente que entra vira doce, em sua totalidade. Todo lixo que produzimos é destinado da forma correta. É um trabalho e tanto! Mas o fazemos com amor – e muito estudo. Reforçamos aqui nosso compromisso com doces inclusivos, gostosos e o mais legal, conectados com a nova era. Seguimos!

[Fotos Lenara Petenuzzo]

Hi, também fazemos blog

Quando contratamos a Fê Pandolfi para a ideação de mídias sociais da Hy não imaginávamos o caminho que a informação andaria. Sou jornalista, sempre meti pitaco na comunicação dos meus projetos, mas a nova firma era a menina dos olhos – apesar de que a Maria Bolachinha era a marca que tinha um gimmick de menininha. Em tempos de youtubbers e influencers, ela super-respeitou meu estilo e perguntou: qual tua força? E eu imediatamente lancei: Escrever! Então teremos um blog!

Blog? Mas não é antigo? E a verdade é que não tem novo e antigo quando temos o que informar. As ideias têm vida própria e encontram seu caminho. A construção da Hy Organic Food foi linda, então temos muita história para contar. Como o projeto nasceu, por que nasceu, os motivos pelos quais usamos nossos ingredientes, as escolhas de cada fornecedor, cada pedacinho de material de escritório e de embalagem. Tudo pode ser transparente, porque essa é a nossa empresa, uma fábrica de doces para todos.

E aqui estamos nesse novo espaço de divulgação, mirabolando as ideias da Fê, que manda superbem em definir o que e como vamos conversar com vocês. E para não dizer que somos tão antigos assim, temos um Canal de Vídeos no YouTube, sim; um instagram lindo, lógico; e nossa vintage página de Facebook. Todos os canais estão abertos, então, para nossa comunicação com quem nos é mais precioso: você.

Sejam bem-vindos, esse é nosso blog!

[Foto: Lenara Petenuzzo]

Categories: Blog Tags:,

Dia do Confeiteiro

Hoje é o Dia do Confeiteiro. Como por aqui somos todas meninas, da Confeiteira. Há dez anos, eu não sabia da importância da data, nem sequer sabia fazer muitos doces. Aprendi a cozinhar com oito anos, já o doce… demorou um pouco mais. Mas foi uma paixão imediata. Minha sogra, a tia Maria, é pelotense, doceira de mão cheia, me ensinou cada um dos seus segredos, compartilhou receitas, me acompanhou em cada calda. Um aprendizado e tanto. E o despertar de uma paixão.

Foi no estouro do cupcake no Brasil, comecei vendendo bolinhos na redação do clicRBS, onde trabalhava ainda como jornalista, e em pouco tempo já fazia tudo quanto é doçura e me deliciava com esse mundo novo que se abria. Na sequência, decidi estudar e me formei Cozinheira, Padeira e Confeiteira no Senac. Professores maravilhosos seguiam compartilhando, e uma coisa que aprendi é que receita não tem dono. Receitas são do mundo. Com tanta fome, temos que ensinar tudo o que sabemos para todos comam à vontade.

Seguiram-se nove maravilhosos anos de uma doce brincadeira, muito aprendizado e muito erro. A confeitaria é a arte do método, e todos aqueles que me ensinaram eu tento passar adiante. Cada teste, uma novidade, uma possibilidade, uma delícia.

Hoje trafego no maravilhoso caminho que escolhi com muito amor: o dos doces orgânicos, feitos de ingredientes da natureza. Pouco açúcar, muito sabor e muita saúde. A Hy Organic Food é a chave de ouro para fechar a década em que descobri minha verdadeira vocação: ser confeiteira. E ao lado dos colegas de profissão digo que hoje é o dia mais importante do ano. Dois mil e vinte já chegou, então que venha a colheita desse plantio que venho fazendo: que seja um ano de muito amor e doçuras. Seguimos! Feliz Dia da Confeiteira – e dos Confeiteiros também!

[Foto: Félix Zucco]

Categories: Blog Tags:,

Teaser das degustações às cegas da Hy

Quando falamos em doces saudáveis e orgânicos muitas pessoas torcem o nariz. Decidimos então fazer um teste cego e gravamos as reações do pessoal. Fica de olho nos próximos vídeos.

[Foto: Bruno Alencastro]

Hi, somos a Hy!

Para crescer, hay que estudar. Há um ano parei de fazer eventos regularmente para me dedicar à criação da minha nova linha de sobremesas. Já vinha fazendo diversos cursos, estudando tendências e me qualificando. Desde que me tornei uma cozinheira jornalística, estudei no Senac-RS, me formei confeiteira, realizei minha Especialização na Gestão da Segurança de Alimentos e até seminário de tecnologias para a gastronomia eu fiz. Esferas, espumas, emulsificantes, gelificantes…

Formações em desidratação de frutas, sustentabilidade, leites vegetais, pães sem glúten, culinária vegana, de tudo um pouco. Porque sou curiosa, mas porque estudar é preciso. Tudo porque eu queria criar, não replicar receitas. E porque eu queria que fosse tudo perfeito.

Acabei chegando a um projeto de doces orgânicos, gluten-free, lactose-free, com menos açúcar e com frutas, ou seja, doces mais saudáveis. Mas o Toque de Midas veio quando eu decidi, há exatamente um ano, que seria tudo plant-based.

Meu foco é o sabor; mas também a indulgência possível, sem culpa. Ou seja, me dedico, agora, ao contraponto do que sempre fiz – exceto pelos orgânicos, com os quais sempre me encantei-, pois minha inspiração é uma doceira pelotense, meu ídolo (chef Mamadou Sene) é especializado em sobremesas árabes, minha escola foi francesa… E porque, durante nove anos, trabalhei com bolos, doces de ovos, muita farinha e açúcar, doce de leite de vaca e tudo o que de mais calórico pode haver no mundo da confeitaria.

Nada de errado por lá – porque doce é vida sempre.

Mas algo me cativa mais na trajetória que estou escrevendo agora – porque tem muito esforço envolvido, uma técnica cuidadosa e tem essa grande preocupação com a saúde. Então Health Yourself, porque é doce ser saudável!

Conheçam a nova firma, a Hy Organic Food: www.hyorganic.com.br!!!

[Foto: Bruno Alencastro]

Categories: Blog Tags:,