Tag: Biba Retamozo

Hi, também fazemos blog

Quando contratamos a Fê Pandolfi para a ideação de mídias sociais da Hy não imaginávamos o caminho que a informação andaria. Sou jornalista, sempre meti pitaco na comunicação dos meus projetos, mas a nova firma era a menina dos olhos – apesar de que a Maria Bolachinha era a marca que tinha um gimmick de menininha. Em tempos de youtubbers e influencers, ela super-respeitou meu estilo e perguntou: qual tua força? E eu imediatamente lancei: Escrever! Então teremos um blog!

Blog? Mas não é antigo? E a verdade é que não tem novo e antigo quando temos o que informar. As ideias têm vida própria e encontram seu caminho. A construção da Hy Organic Food foi linda, então temos muita história para contar. Como o projeto nasceu, por que nasceu, os motivos pelos quais usamos nossos ingredientes, as escolhas de cada fornecedor, cada pedacinho de material de escritório e de embalagem. Tudo pode ser transparente, porque essa é a nossa empresa, uma fábrica de doces para todos.

E aqui estamos nesse novo espaço de divulgação, mirabolando as ideias da Fê, que manda superbem em definir o que e como vamos conversar com vocês. E para não dizer que somos tão antigos assim, temos um Canal de Vídeos no YouTube, sim; um instagram lindo, lógico; e nossa vintage página de Facebook. Todos os canais estão abertos, então, para nossa comunicação com quem nos é mais precioso: você.

Sejam bem-vindos, esse é nosso blog!

[Foto: Lenara Petenuzzo]

Categories: Blog Tags:,

Dia da Gratidão

Hoje é o Dia da Gratidão, então o exercício é agradecer.
A maior dificuldade, entretanto, não é agradecer, estamos acostumados a agradecer. Estamos sempre lançando “obrigadas” e “obrigados” para todos os lados. Mas a impressão que tenho é de que se trata de um reflexo condicionado. Aprendemos que devemos agradecer e o fazemos automaticamente, não de coração.
A grande dificuldade, portanto, é agradecer de verdade; e também não reclamar, aceitando quando as coisas não saem como esperamos.
Não posso reclamar, então, de ter que acordar cedo.
Preciso agradecer que estou viva e tenho um propósito que me faz sair da cama.
Não posso reclamar se algo saiu do controle.
Preciso agradecer que tenho pessoas maravilhosas na minha vida que me ajudam a trazer as coisas ao prumo novamente.
Não posso reclamar se estou sem dinheiro.
Preciso agradecer que tenho uma empresa linda, um trabalho que amo, e que através dele conseguirei obter toda grana que eu preciso para viver.
Parece simples, mas é preciso aceitação. E gratidão.
Para mudar as coisas, precisamos ter consciência de como elas estão, para então decidir como queremos que elas fiquem.
E daí sair atrás do sonho.
Aceitação e gratidão, dois exercícios que proponho neste início de ano.
Que tal crescermos juntos?
Trago vontade e docinhos.
Seguimos.

[Foto: Bruno Alencastro]

Categories: Blog Tags:,

Hi, somos a Hy!

Para crescer, hay que estudar. Há um ano parei de fazer eventos regularmente para me dedicar à criação da minha nova linha de sobremesas. Já vinha fazendo diversos cursos, estudando tendências e me qualificando. Desde que me tornei uma cozinheira jornalística, estudei no Senac-RS, me formei confeiteira, realizei minha Especialização na Gestão da Segurança de Alimentos e até seminário de tecnologias para a gastronomia eu fiz. Esferas, espumas, emulsificantes, gelificantes…

Formações em desidratação de frutas, sustentabilidade, leites vegetais, pães sem glúten, culinária vegana, de tudo um pouco. Porque sou curiosa, mas porque estudar é preciso. Tudo porque eu queria criar, não replicar receitas. E porque eu queria que fosse tudo perfeito.

Acabei chegando a um projeto de doces orgânicos, gluten-free, lactose-free, com menos açúcar e com frutas, ou seja, doces mais saudáveis. Mas o Toque de Midas veio quando eu decidi, há exatamente um ano, que seria tudo plant-based.

Meu foco é o sabor; mas também a indulgência possível, sem culpa. Ou seja, me dedico, agora, ao contraponto do que sempre fiz – exceto pelos orgânicos, com os quais sempre me encantei-, pois minha inspiração é uma doceira pelotense, meu ídolo (chef Mamadou Sene) é especializado em sobremesas árabes, minha escola foi francesa… E porque, durante nove anos, trabalhei com bolos, doces de ovos, muita farinha e açúcar, doce de leite de vaca e tudo o que de mais calórico pode haver no mundo da confeitaria.

Nada de errado por lá – porque doce é vida sempre.

Mas algo me cativa mais na trajetória que estou escrevendo agora – porque tem muito esforço envolvido, uma técnica cuidadosa e tem essa grande preocupação com a saúde. Então Health Yourself, porque é doce ser saudável!

Conheçam a nova firma, a Hy Organic Food: www.hyorganic.com.br!!!

[Foto: Bruno Alencastro]

Categories: Blog Tags:,